O Consórcio

O que é STHEM Brasil?

O sucesso dos estudantes em educação superior nas áreas de Ciência, Tecnologia, Humanidades, Engenharia e Matemática (STHEM em Inglês: Science, Technology, Humanity, Engineering and Mathematics) é uma preocupação quase universal.

Desafios nessas áreas incluem nível de preparação dos estudantes quando entram na universidade, retenção e aprendizagem do estudante nas principais habilidades para a economia do conhecimento. No contexto brasileiro, o desafio fundamental é o papel  da educação superior e a importância da inovação em relação à qualidade da educação.

Universidades podem responder a  esses desafios por meio da melhoria do ensino e da qualidade de aprendizagem, assim como explorar possíveis ligações com professores do Ensino Médio e Técnico/Profissional para melhor preparar estudantes para a educação superior.

A Iniciativa para o Desenvolvimento da Inovação Acadêmica – IDIA (em espanhol) propõe trabalhar com universidades, instituições, organizações governamentais e setor privado para a implementação da Iniciativa para avançado ensino e aprendizagem em Ciência, Tecnologia, Humanidades, Engenharia e Matemática para o Brasil.

Nos 3 anos de programa, um grupo de 100 professores de 14 universidades diferentes vai implementar  mudanças em seu ensino,  que refletirá um movimento para que o ensino seja centrado no aluno, com objetivos futuros de conectar professores do Ensino Médio e Técnico/Profissional com professores da universidade em uma efetiva metodologia de ensino para as áreas de STHEM.

 

Comitê Gestor

Importante elemento para o sucesso da implantação das inovações pedagógicas são os conselhos e orientações de um comitê de especialistas. O comitê será composto por líderes de IES, setor privado, para estabelecer normas e um conjunto de critérios para alcançar os objetivos institucionais.

Fazem parte do Comitê Gestor:

  • UNISAL – O representante do UNISAL será o presidente do Comitê e quem o representa no Brasil e perante LASPAU
  • UNIFEI
  • ESPM
  • Toledo- Presidente Prudente
  • UNISUAM

 

Metas para o Consórcio STHEM – 2014/2015

1- Capacitar 100 professores das IES participantes do Consórcio, no mês de maio de 2014, no tema da metodologia ativa.

2- Gerar um efeito multiplicador nas Instituições participantes do Consórcio. Sendo 500 em 2015.

3- Avaliar (avaliação dos gestores e autoavaliação) o resultado da aplicação das metodologias dos professores que participaram do curso presencial e do acompanhamento online. Aplicar a avaliação até 30 de novembro.

O Comitê avaliará o resultado dessa avaliação.

4- Elaborar um instrumento de verificação sobre quais as metodologias ativas (mapeamento) estão sendo aplicadas, até o mês de setembro.

4.1- Criar um evento científico em março de 2015 para que cada IES apresente seus cases. Nesse evento, será lançada a revista científica.

4.2- Os critérios da publicação na revista científica serão definidos pelo comitê gestor e previamente divulgados.

5- Até agosto de 2015, será publicada uma revista científica com o tema das metodologias ativas.

6- Propor cooperação com as empresas para que apresentem 1 ou 2 problemas (casos, falhas no processo, projetos de futuro, inovação e outros) enfrentados no seu cotidiano para que as IES participantes – grupo de trabalho misto –  possam buscar alternativas, via metodologias ativas, para a solução dos problemas.

7- Captar, no mínimo, 3 situações de cooperação com as empresas até 2015.

 

Sobre LASPAU, filiada à Harvard

LASPAU: Programa Acadêmico e Profissional para as Américas, afiliado com Universidade de Harvard, tem se dedicado à missão de fortalecer o ensino superior no Hemisfério Ocidental desde sua fundação em 1964. Mais de 20.000 estudantes, pesquisadores, alunos e estudiosos e profissionais das Américas têm participado em programas desenhados ou administrados por LASPAU.

 

Iniciativa para o Desenvolvimento da Inovação Acadêmica de LASPAU – IDIA.

A iniciativa trabalha com educação superior na América Latina e Caribe para desenhar programas personalizados focados em fortalecimento institucional e capacidade institucional para melhorar ensino e aprendizagem. IDIA liga seus parceiros com uma rede global de especialistas de inovação educacional, realiza a avaliação das necessidades para informar a concepção do programa, e programa de avaliação para identificar estratégias para trabalhar no contexto local.

Desde 2007, IDIA fez:

  • Desenvolveu e implementou 45 programas de ensino e aprendizagem para 2.443 indivíduos de 21 países da América Latina e Caribe;
  • Estabeleceu uma rede global com mais de 120 facilitadores dos programas de importantes universidades como: Harvard University, Olin College of Engineering, Massachussetts Institute of Tecnology.